América Latina e o Caribe têm a sua “Casa da Internet”

30/04/2012

O desafio é aumentar em 50% a quantidade de usuários da Internet na região nos próximos três anos.

América Latina e o Caribe  têm a sua “Casa da Internet”

As principais organizações de Internet da América Latina e o Caribe criaram o principal centro de entidades da Internet do mundo ao concentrar suas atividades na “Casa da Internet da América Latina e o Caribe”. Com sede em Montevidéu, capital do Uruguai, o prédio reúne os seis organismos da Internet mais relevantes da região e procura facilitar sinergias, apoiar o desenvolvimento e oferecer melhores serviços à comunidade latino-americana e caribenha envolvendo um número cada vez maior de atores.

“Esta Casa demonstra a integração que está surgindo graças à Internet, todos trabalhando juntos em prol de um mundo melhor.”
Oscar Messano, Presidente do LACNIC

A Casa da Internet abriga os escritórios do Registro de Endereçamento da Internet para a América Latina e o Caribe (LACNIC), o capítulo regional da Internet Society (ISOC), a Rede de Cooperação Latino-americana de Redes Avançadas (CLARA), a organização que reúne os administradores de domínios dos países da América Latina e o Caribe (LacTLD), a Federação Latino-americana e Caribenha da Internet e o Comércio Eletrônico (eCOM L@C) e a Associação da América Latina e do Caribe de Operadores de Pontos de Troca de Tráfego da Internet (LAC-IX).

“Temos as condições para que a Internet seja uma atividade importante que permita melhorar o nível de vida de muitas pessoas.”
José Mujica, Presidente do Uruguai

O diretor executivo do LACNIC e presidente da Internet Society, Raúl Echeberría, salientou que por suas características e pela concentração dessas seis organizações, o prédio se torna um centro regional da Internet e fortalece a institucionalidade do setor: “o prédio é moderno, apropriado para um trabalho dinâmico e interativo, e ao mesmo tempo com acesso aos padrões mais altos de tecnologias”. Desde esse prédio “são oferecidos serviços críticos que possibilitam o funcionamento da Internet na região; portanto é preciso dispor de uma infraestrutura adequada de segurança e estabilidade”, acrescentou Raúl.

“Poder estar nestas instalações com esse crescimento é um sonho feito realidade, é um reflexo do desenvolvimento que está tendo o Uruguai e os países da região no desenvolvimento das TICs e da Internet”
Oscar Robles, Diretor de Nic.mx e presidente do LACTLD

A abertura oficial da “Casa da Internet da América Latina e o Caribe”, aconteceu na terça-feira 17 de abril, e contou com a presença de representantes das principais organizações e entidades da Internet da América Latina e o Caribe que viajaram desde diferentes pontos do continente principalmente para esse evento, bem como de autoridades do governo uruguaio, entre elas José Mujica, seu presidente.

O continente enfrenta um processo de “crescimento econômico único na sua história. Esta é a década da América Latina. E para continuar a crescer precisamos da Internet”, apontou Echeberría. A iniciativa de reunir as seis principais organizações da Internet em um só lugar melhora as instâncias de coordenação entre as entidades regionais, fortalece a institucionalidade do setor e sua capacidade de ajudar no processo de desenvolvimento da Internet na América Latina e o Caribe.

“Ter esta casa que reúne o LACNIC e LacTLD, e no ecossistema mais geral a CLARA e o LAC-IX, é um exemplo de como fazemos as coisas na América Latina. Somos parceiros, estamos sempre nos apoiando, é uma solidariedade”
Rodrigo de la Parra, Vice-presidente da ICANN para a América Latina e o Caribe

Hoje, na América Latina e o Caribe existe uma penetração da Internet de 40%, o que significa cerca de 240 milhões de usuários. Para o final de 2015, espera-se um crescimento de 60%, com 120 milhões de novos usuários. “Temos procurado articular políticas adequadas com todas as organizações e governos da região, que garantam o acesso à Internet dos 600 milhões de latino-americanos. Nessa direção é que devemos focar os maiores esforços”, salientou o diretor executivo do LACNIC.

Deixe um comentário

Não há comentários

Suscríbete para recibir las últimas novedades en tu mail Click here to subscribe receive the latest news in your inbox. Inscreva-se aqui para receber as últimas novidades no seu e-mail